27/01/2011

Serpentes do Vale do Derwent

||
Segundo o folclore local, antes de 1715 não haviam serpentes peçonhentas no Vale do Derwent, mas depois da execução do Conde de Derwentwater uma grande quantidade somadora de serpentes começaram a aparecer ao longo do comprimento do rio Derwent.
James Radclyffe, 3 º Conde de Derwentwater herdou o título quando seu pai morreu em 1705. Earl Derwentwater, foi um forte defensor de seu primo James Francis Edward Stuart da "Old Pretender" e foi o líder do exercito de Jacobites Northumbrian na Rebelião de 1715.


Ele foi capturado depois de sua derrota na Batalha de Preston e após ser declarado culpado de traição, ele foi decapitado em Tower Hill no dia 24 de fevereiro de 1716. O irmão do conde, Charles conseguiu escapar, mas Thomas Forster - primo do Conde - que também foi um dos comandantes da batalha também foi capturado, mas sua prisão foi suspensa por sua irmã, que depois o escondeu em um buraco, junto ao padre Lord Crewe que seriam enviados junto a contrabandos de armas para a Europa.

As pessoas Presumem que as cobras e os contos que cresceram ao seu redor estão ligados mais a um acto de alta traição da qual o próprio Conde participou, provavelmente é uma advertência dos males de tal ato que cometeu.


Pessoas que vêem varias das serpentes juntas acreditam que estão prestes a presenciar algum ato de traição e também que as serpentes seriam um sinal de mal presságio terrível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hi guys!!!!
Hey aqui é Wendy, blogueira desde 2010! Viciada em animes, amante de livros e adora ver séries! Criei esse cantinho na intenção de ajudar na criação e personalização de blogs e sites.
Wattpad Facebook Tumblr Instagram